Arquivo da tag: educação

Retomando a caminhada em 2017: Associação Plataforma Ituiutaba Lixo Zero: Associe-se!

ASSOCIE-SE E ESTEJA CONOSCO EM BUSCA DE UMA CIDADE SUSTENTÁVEL

Para se associar PREENCHA A FICHA DE ASSOCIADO PILZ AQUI

LOGOPILZCaminhamos em 2016 na certeza de que estamos nos dirigindo a um destino próspero e, por isso, constituímos associação.

“Constitui-se as associações pela união de pessoas que se organizem para fins não econômicos” (Lei 10.406/2002, art. 53)

Associação é uma organização resultante da reunião legal entre duas ou mais pessoas, com ou sem personalidade jurídica, sem fins lucrativos para a realização de um objetivo comum.

Poderíamos dizer que esse foi o grande marco do ano de 2016: reunimos 14 pessoas interessadas e dispostas a se doarem para levar a frente esse projeto que começou em 2014 com a participação mais que especial do professor, mestre e, praticamente, doutor Humberto Minéu.

O fato de termos constituído associação nos traz inúmeras possibilidades, entre elas:

  1. Profissionalização das ações relacionadas a formação e capacitação para o lixo zero | resíduo zero | desperdício zero;
  2. Realização de convênio com órgãos públicos;
  3. Representação da sociedade em eventos e matérias relativas ao meio ambiente;
  4. Ampla divulgação das ações práticas e realizáveis em relação à mudança de comportamento, entre outras…

Para que isso aconteça e para que consigamos elevar nosso nível de entendimento quanto as possibilidades de redução de resíduos, reaproveitamento, reutilização e reciclagem, nós precisamos de vocês, população de Ituiutaba.

Precisamos do interesse de cada um de vocês, e precisamos do apoio também. Precisamos estar aptos a receber a demanda e devolvê-la com alegria. Precisamos de associados que queiram aprender e ensinar, trocando as experiências e elevando o nível de consciência e atuação.

Estamos aqui, trabalhando por isso, porque vemos a cada dia inúmeras crianças chegando ao mundo. Nos deliciamos com seus rostinhos e descobertas. No entanto, acreditamos que, a cada olhar, devemos nos perguntar: o que eu POSSO fazer para amenizar o sofrimento e aumentar as perspectivas dessas crianças que se tornarão adultos, num mundo que, a cada dia, sofre com maiores restrições de recursos naturais?

A conta já está chegando e, nela, somos nós os responsáveis pela dificuldade alheia, a dificuldade que será daqueles que mais amamos: nossos filhos, sobrinhos, netos e queridos amigos.

Não devemos nos esquecer é claro, do presente, e de todas as possibilidades de melhoras das nossas condições atuais. Pode até dar um trabalhinho, mas que vale muito a pena.

Caso tenha dúvidas ou sugestões por favor entre em contato:

  1.  Facebook: Plataforma Ituiutaba Lixo Zero
  2. Email: lixozeroitba@gmail.com
  3. Telefone: 34. 99690 1979

Forte abraço e até breve,

* Alice Drummond – mestre em governança de resíduos sólidos pela Sorbonne Paris 3, consultora em gestão de resíduos sólidos pela Resíduo de Valor e diretora executiva da Associação Plataforma Ituiutaba Lixo Zero

 

 

Anúncios

Ituiutaba recebe o Planetário Sesc

Sindicomércio Ituiutaba promove cultura e educação através do Planetário Sesc em Ituiutaba. 

Planetario Sesc

O projeto traz à população de Ituiutaba e das cidades da região uma fantástica apresentação das estrelas, constelações, planetas e outros aspectos peculiares ao firmamento.

Essa apresentação é possível através da reprodução artificialmente, por meio de projeção em ambiente fechado, o aspecto do céu natural. As apresentações provocam no visitante o interesse por questões ligadas à astronomia e potencializam as práticas pedagógicas relacionadas à temática.

 O projeto oferece um circuito de três atividades:

  • Sessões na Cúpula – Utilizando um projetor que simula a abóbada celeste, são exibidos programas que apresentam o Sistema Solar, particularidades das estrelas e constelações, galáxias e diferentes visões do Universo

  • Stellarium – É um software livre de astronomia para visualização do céu, nos moldes de um planetário. Com excelente qualidade técnica e gráfica, o programa é capaz de simular o céu diurno, noturno e os crepúsculos  de forma muito realista. É capaz ainda de simular planetas, luas, estrelas, eclipses e tudo em tempo real, fornecendo informações detalhadas de milhares de corpos celestes.

  • Oficinas e Jogos – Espaço destinado a promover, aperfeiçoar e ampliar a realização de atividades de ensino e difusão científica de Astronomia e Ciências para o grande público, estudantes e professores.

O Planetário Sesc  busca ampliar e  aperfeiçoar da utilização de espaços de educação não-formal para a disseminação do conhecimento científico, concomitante as escolas têm a oportunidade de trabalhar o tema de forma teórica em sala e ampliar a visão dos alunos a partir das visitações, proporcionando aprendizado de forma dinâmica, lúdica, criativa e encantadora.

 Período: De 09 de junho a 27 de julho

 Abertura: 09/06 às 10h

 Maiores Informações Sindicomércio: 3261-6058

Educação Ambiental: como ensinar e informar determina a mudança a curto prazo

A Lei 9.795, de 27 de abril de 1999 define a educação ambiental como: os processos por meio dos quais o indivíduo e a coletividade constroem valores sociais, conhecimentos, habilidades, atitudes e competências voltadas para a conservação do meio ambiente, bem de uso comum do povo, essencial à sadia qualidade de vida e sua sustentabilidade.

Não somente no âmbito escolar, a educação ambiental deve ser promovida em locais públicos coletivos, em empresas e instituições comerciais e recreativas com o objetivo de expandi-la coletivamente, podendo ser multiplicada pelos diferentes grupos de pessoas em diferentes contextos.

A complexidade da educação ambiental exige que ela seja trabalhada multidisciplinarmente e transversalmente, uma vez que ela está presente nas diferentes disciplinas da vida.

Entender o porquê da mudança de comportamento é fundamental para a própria mudança de comportamento. Ao saber que mais de 90% do nosso lixo pode ser reaproveitado, reutilizado ou reciclado nos sentimos incentivados a fazer a correta separação, não é mesmo? Assim como quando conhecemos os prejuízos resultantes da queima de “lixo” ou quando compreendemos os benefícios de se plantar uma arvore, toda a ação fica mais clara e objetiva. O valor da compreensão se traduz no ato. Atualmente vemos isso no comportamento das crianças. Elas já entendem o que é reciclagem e a importância de se praticá-la. Elas entendem ainda muitas outras coisas que muitas das vezes, nós adultos, passamos despercebidos pelo simples fato de não termos recebido tal informação.

A educação ambiental é uma proposta de postura consciente. De compreensão de que o mundo está em profunda e constante transformação. De evolução do ser no sentido de entender o planeta, os ecossistemas e o momento pelo qual estamos passando: “Hoje, por conta do atual ritmo de consumo, a demanda por recursos naturais excede em 50% a capacidade de reposição da Terra. Se a escalada dessa demanda continuar no ritmo atual, em 2030, com uma população planetária estimada em 8,3 bilhões de pessoas, serão necessárias duas Terras para satisfazê-la”.

Você sabia disso?

a-terra-no-limite-Pop1

Por mais que tenhamos uma população engajada na luta para a preservação de um nível de qualidade de vida justo para as futuras gerações – nossos filhos e netos – precisamos nos engajar nós mesmos, pensando na nossa própria geração que já tem a infelicidade de ver muita coisa na contramão do sistema ambiental atual. É importante lembrar-nos que temos toda a possibilidade de reverter essa história e adotar hábitos sustentáveis.

Conhecer os fatos e compreendê-los nos ajuda certamente a internalizar a mudança e torná-la real por meio do desenvolvimento de nossas competências e aperfeiçoamento de habilidades.

O ser humano é altamente adaptável. Quem faz a coleta seletiva aqui em Ituiutaba nesses onze anos de Copercicla – Cooperativa de Reciclagem de Ituiutaba – sabe muito bem disso. Essas pessoas não concebem, em hipótese alguma, misturar o lixo numa mesma lixeira. Esse é um exemplo de que a mudança é possível, desde que tenhamos a informação e as condições para fazer.

Incentive e colabore com o conhecimento e a educação ambiental. Promova a informação. Conte com a Plataforma Ituiutaba Lixo Zero.

Fonte: http://planetasustentavel.abril.com.br/pops/a-terra-no-limite-pop1.shtml

http://planetasustentavel.abril.com.br/noticia/ambiente/terra-limite-humanidade-recursos-naturais-planeta-situacao-sustentavel-637804.shtml

V SEMANA DO MEIO AMBIENTE – IFTM ITUIUTABA

 

2014 Cartaz Semana do Meio Ambiente

Dia 05 de junho é o dia MUNDIAL do meio ambiente. É quando o mundo se volta para a natureza e reconhece nela a fonte da vida.

Por isso comemorações de todos os tipos são realizadas no mundo inteiro, e como dizemos no dia da Mães ou das mulheres, esse seria também um dia ser comemorado todos os dias das nossas vidas.

O IFTM comemorará a  V SEMANA DO MEIO AMBIENTE programação no dia 02 de julho, próxima segunda-feira, com uma agenda intensa e para vários gostos.

Confira e participe.

V SEMANA DO MEIO AMBIENTE

 

Período: 02 de junho de 2014

 

Informações pelo telefone: 3271 – 4054

 

 

Água: consumo, produção, biodiversidade e sustentabilidade

Horário Atividade Local
 

 

08h00 – 08h30

Abertura: Direção geral, Direção de ensino e comissão organizadora.

Apresentação musical: Coral Sabiás do campus – IFTM / Coral Vozes D’água – Sae / Grupo musical Sons do coração – IFTM

 

 

 

Auditório

Palestras
 

08h30 – 09h20

Palestra: “Tecnologia da Informação e o Lixo Eletrônico”

Prof. Marcelo Loures Ribeiro – IFTM

 

 

Auditório

 

09h30 – 10h00

Palestra: Tratamento de água e esgoto

Carlos Humberto Franco Machado – Técnico da SAE

 

 

Auditório

 

10h00 – 11h00

Palestra: Irrigação no Brasil: Desafios e perspectivas

Prof. Dr. Samuel Petraccone Caixeta – IFTM

 

 

Auditório

 

 

13h30 – 14h30

Palestra: Aquífero Guarani: aspectos geológicos e impactos ambientais

Prof.ª Drª. Sabrina Coelho Rodrigues – FACIP /UFU

 

 

 

Auditório

14h50 – 15h10 Intervalo  
 

15h10 – 16h00

Palestra: Biodiversidade de serpentes e peçonhas: “do Veneno ao Medicamento”

Prof.ª Drª. Júnia de Oliveira Costa – IFTM

 

 

Auditório

 

16h00 – 16h50

Palestra: “Crimes virtuais e o Marco Civil”

Prof. Daniel Ramos Pimentel – IFTM

 

 

Auditório

 

Visitas Técnicas
07h30 – 09h30 Visita à ERPAE – 1° Química ERPAE
09h30 – 11h30 Visita à ERPAE – 1° Eletrotécnica ERPAE
13h00 – 15h00 Visita à ERPAE – 1° Informática ERPAE
15h00 – 16h50 Visita à ERPAE – 1° Agroindústria ERPAE
Minicursos/oficinas
 

09h30 – 10h30

Minicurso: Erosão: causas e consequências

Fábio Venceslau – Discente do curso de graduação em Geografia – FACIP/ UFU

 

E – 01

 

09h30 – 10h30

Oficina: Mapas conceituais: Por que não?

Prof. Carlos Eduardo Petronilho – IFTM

Prof. Eduardo Borges – IFTM

 

E – 02

 

08h30 – 11h10

Minicurso: Cultivo orgânico e uso de material reciclável para irrigação

Prof. Msc. Ismael Ferreira – UEMG

 

E – 03

 

08h30 – 11h10

Oficina de Fotografia: Prof. Leonardo Rocha – IFTM e Prof. Daniel Rizoto – FTM  

Multimeios

 

11h10 – 13h10 Intervalo  
 

13h10 – 14h00

Minicurso: O consumo de água na produção de carne bovina: da criação ao abate

Wagner Bartolomeu Correia Lins – Tec. de laboratório e discente do curso de Tecnologia em Processos Químicos – IFTM

 

E- 03

 

13h10 – 16h50

Minicurso: Produção de mudas de hortaliças

Prof.ª Mirian Nomura – UEMG

 

E – 01

 

13h10 – 14h50

Oficina: Produção de mudas nativas em viveiros florestais

Irineu de Macedo Neto – Técnico IEF – MG

 

Área de convivência

 

13h10 – 16h30

Minicurso: Tratamento de água e preservação de amostras ambientais

Prof. Dr. Sergio Marcos Sanches – IFTM

 

Multimeios

 

 

13h10 – 14h50

Minicurso: Utilização de testes rápidos para análise de água

Felipe Pacheco – Discente do curso de graduação em Geografia – FACIP/ UFU

 

 

 

Lab. C-02

 

 

 

15h10 – 16h50

 

 

Minicurso: Elaboração de maquetes cartográficas

Felipe Pacheco – Discente do curso de graduação em Geografia – FACIP/ UFU

 

 

 

E – 04

 

13h10 – 16h50

Minicurso: Compostagem: uma alternativa para a diminuição dos resíduos sólidos

Prof.ª Drª. Elaine Kikuti – FACIP /UFU e alunos do Polivalente

 

E – 05

 

13h10 – 14h50

Minicurso: Propriedades coligativas da água: ebulição à baixa temperatura

Prof. Enílson Araújo da Silva – IFTM

 

C – 04

 

15h10 – 16h50

Minicurso: Microbiologia da água

Mariana T. de Castro – Tec. de laboratório e discente do curso de graduação em Ciências Biológicas – FACIP/ UFU

 

Lab. C- 06

 

19h30 – 20h30

Mesa redonda: Água: consumo, produção, qualidade e sustentabilidade.

 

Prof. Msc. Humberto Minéu – IFTM

Prof. Dr. Sergio Marcos Sanches – IFTM

 

 

Auditório